Atenção

EM: 5 de agosto de 2017

Atencao

Seu filho tem dificuldades de prestar atenção no que você diz? A professora reclama da falta de atenção dele? Alguém está dizendo que pode ser que ele tenha um transtorno de déficit de atenção e hiperatividade? Cuidado! Pode ser apenas falta de aprender a desenvolver a capacidade de observar detalhes.

Isso acontece porque não temos o costume de incentivar a criançada a perceber pequenas coisas como um instrumento diferente que toca no rádio do carro, uma placa errada na sinalização da estrada (lombada a 100m quando na verdade ela está a 50m), o poste que está inclinado, a rampa de acesso para cadeirantes instalada em uma calçada impossível de andar de cadeira de rodas, o presunto que está na sessão “Laticínios”, o miolo de uma flor de jardim com cores e formas tão especiais que parecem não ser naturais etc. E como estamos acostumados a tudo isso, não lembramos que as crianças ainda não observaram tais detalhes.

Você viu a palavra repetida ali em cima, no triângulo? Se não a viu é porque nosso cérebro pega atalhos, ou seja, ele “adivinha” o que está lendo e, portanto, não precisa gastar energia nos detalhes. É como se nossa mente fosse “preguiçosa”. Então a tendência que nossos filhos terão será a de olhar tudo como se fosse comum, normal, conhecido. E essa postura não os ajuda a desenvolver atenção e concentração. Para mudar esse quadro é importante que a gente gaste um pouco mais de tempo com nossos filhos fazendo-os perceber melhor tudo o que está acontecendo à volta. Comece pedindo que leiam a frase do triângulo. Brincar é uma boa forma de crescer!

Tags

Categorias


Viverno digital

Loading...